quinta-feira, 3 de setembro de 2009

Coquinho, um grande aliado!

video

Gente,
depois diferentes experiências para definir o cacho do meu cabelo que está em transição ( raíz natural e comprimento relaxado ) finalmente cheguei numa alternativa que o meu cabelo se adaptou muito bem e estou adorando, o COQUINHO!

Minha mãe fazia em mim quando eu era criança e depois soltava, mas não me recordava da eficiência.

Tenho feito depois de lavar e massagear os cabelos, tiro o excesso de água com a toalha, divido o cabelo em seis partes e vou desembaraçando uma a uma, com muito carinho e paciência. Uso o creme restaurador Mariana - Manteiga de Cupuaçu( baratinho e show de bola!), passo no comprimento e capricho na ponta. Cada coquinho faço com duas mechas torcidinhas, solto depois de seco naturalmente, desfazendo coquinho por coquinho, com os dedos. Para dar forma ao black, uso um garfo de madeira e grampos pequenos.

Modéstia a parte, ficou uma graça.rs Confiram um dos resultados no vídeo que postei.
;)
Pat

quinta-feira, 13 de agosto de 2009

Gel de linhaça, receita barata e eficiente!

Experimentei e indico, o gel de linhaça é uma excelente dica para a manutenção dos pixains.

Gel de linhaça: um gel natural indicado para uso em cabelos cacheados e crespos que diminui o frizz nos cabelos, dá brilho e forma aos cachos.

Ingredientes:
  • 01 copo (tipo requeijão) de água filtrada.
  • 02 colheres de sopa de semente de linhaça.

Modo de fazer:

  1. Ferver a linhaça e a água em fogo alto por aproximadamente 5 minutos.
  2. Retire do fogo e coe, imediatamente. A parte líquida é o gel, translúcido e de consistência gelatinosa, parecida com a clara do ovo.
  3. Deixe esfriar e coloque num frasco de vidro ou num frasco de plástico com válvula pump-up.
  4. Armazene na geladeira por em média 4 dias. Nunca faça em muita quantidade para não estragar.
Obs: A textura pode variar, cada cabelo gosta de um jeito.

Modo de usar:

Deve ser usado em temperatura ambiente.
Após lavar os cabelos, aplicar o gel de linhaça nos fios ainda bem molhados, enluvando mecha a mecha.
Retirar o excesso de água e de gel dos cabelos com uma toalha de papel ou camiseta velha, sempre apertando os cachos.
No caso de cabelos muito secos, pode ser aplicado um pouco de leave-in antes do gel de linhaça, para ajudar a conter o frizz.

BOM PROVEITO!!!
;) Pat*

terça-feira, 4 de agosto de 2009

"Twist", técnica para um black estiloso.

Esse penteado dá trabalho, mas fica muito estiloso. Eu tenho feito o "twist-nagô" e está quebrando o galho na transição. Brevemente postarei fotos do meu processo. Segue a dica do blog ENCARACOLADAS, que vou experimentar da próxima vez.
Dica: Os produtos mais indicados para esse tipo de penteado ficar ótimo são as geléias ou pudins, os merengues também, esses cremes são chamados assim devido a sua consistência nem gel nem creme. A realidade é que esses produtos são uma união de gel+creme que inclusive pode ser feita passando primeiro o creme e depois o gel, ou mesmo misturando nas mãos antes de passar.



Cabelo, a maior curtição.

Quando eu era criança, tinha fixação por cabelos. Era receber a visita do meu avô ou da minha avó e vê-los sentados no sofá, que lá ia eu pegar um pente, me aconchegava no encosto e ficava horas penteando o cabelo deles. Era uma viagem... O do meu avô paterno era um autêntico pixaim: enroladinho, parecia uma mola, esticava e voltava. Minha maior curtição era dar umas batidinhas leves em volta da cabeça dele, que fofura! Ele pedia para eu contar os cabelos brancos. rs O da minha avó materna era quase liso bem fininho, o pente deslizava por ondas sinuosas, parecia uma seda. Mas, foi com uma boneca que eu me aventurei em penteados. Ela tinha uma cabelo cacheado que ficava do jeito que eu moldasse. Adorava fazer tranças nela!
Quem penteava o meu cabelo era minha mãe, ela tinha a maior paciência e carinho com o meu pixaim. Eu ficava tanto tempo pra arrumar o cabelo e ficar bonitinha que se algum coleguinha desmanchasse o penteado, era o fim do mundo. Chorava e ninguém entendia o motivo. Hoje sei. rs O que minha mãe fazia, era uma verdadeira obra de arte!
Não me tornei cabeleireira, cuidar do cabelo para mim ainda é uma brincadeira. Sou curiosa.
Já fiz de tudo com o meu: alisamento, permanente- afro, natural, trança, enterlace, relaxamento, etc. Sinto que ele me pede socorro, por isso minha intenção agora é dar um descanso de química e dar muito carinho ao meu pixaim. Como não pretendo fazer uma mudança radical, ou seja, cortar. Preciso inventar moda até ele "virgem" ter um tamanho legal para um black. Sem medo de ser feliz!
Quero dividir essa experiência com outras pessoas, por isso estou aqui. Sejam bem vindos!
Aguardo comentários
;)
Pat*